Operação Injusta Causa: com medo da PF, advogado joga celular pela janela


Com as incursões da Polícia Federal na Operação Injusta Causa, um advogado teria jogado o celular pela janela do escritório em Salvador. De acordo com o colunista Lauro Jardim, de O Globo, o aparelho foi quebrado e arremessado de um prédio comercial.

Além disso, o homem, que não teve o nome revelado, rasgou e jogou papeis pela mesma janela. Os documentos e o aparelho foram recuperados pelos agentes. M1


Você gostou? Compartilhe com seus amigos

0