Font Size

Profile

Menu Style

Cpanel

19Setembro2017

 

Espaco Aberto

 

 

Vende-se imóveis de Alberto Youssef por R$ 83,6 mil

...

PPS discute nova formação partidária em congresso realizado em Salvador

...

Dodge mantém só dois nomes de Janot na Lava Jato

...

Saúde. Vereadores visitaram o Espaço Cultural Paulo Cesar Barros onde funcionam os projetos do Orguídea Negra

...

Area Policial

Area Policial (2314)

A Polícia Federal encontrou as impressões digitais do ex-ministro Geddel Vieira Lima, no apartamento onde nesta terça-feira (5) foram encontrados R$ 51 milhões em espécie – distribuídos em malas e caixas. A quantia é a maior apreensão em dinheiro vivo já feita pela PF.As impressões digitais reforçam as suspeitas de ligação do ex-ministro com o dinheiro, comprovando que ele esteve no imóvel onde a quantia milionária estava guardada.

Para a Polícia Federal, o apartamento onde foram encontradas impressões digitais de Geddel, no bairro da Graça, em Salvador, era um local de armazenagem de dinheiro em espécie.Geddel cumpre prisão domiciliar há quase dois meses no apartamento dele, em Salvador, sem monitoramento eletrônico. A Secretaria de Administração Penitenciária da Bahia (Seap) não dispõe de tornozeleiras.Geddel foi vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica Federal entre 2011 e 2013, durante o governo de Dilma Rousseff. No governo Temer, foi ministro da Secretaria de Governo.Bocaonews

Leia mais ...

Por volta das 18h desta quarta feira 06 de setembro de 2017, aconteceu uma rebelião com tentativa de fuga da carceragem da Delegacia Territorial de Morro do Chapéu.Cerca de 22 presos conseguiram arrombar as celas e só não conseguiram fugir graças a ação rápida do Agente Civil Fábio Falcão e da guarnição de serviço da Polícia Militar no comando do Sargento Barros e SD PM Francys e também pelo SD PM Lindomar que mesmo de folga ia passando na hora e também entrou na linha de confronto.

Rapidamente o efetivo policial foi reforçado por homens da Polícia Rodoviária e por mais alguns policiais residentes na cidade que estavam de folga. Houve troca de tiros, já que os detentos arrombaram a sala do Delegado onde encontraram armas apreendidas, ninguém ficou ferido. A ação foi controlada por volta das 20h00 com a chegada de reforços da CAESA, RONDESP e mais viaturas da PM de cidades vizinhas.Todas as dependências da Delegacia foram invadidas pelos detentos e tudo foi destruído, portas, armários, impressora entre outras coisas.Após a rebelião ter sido controlada o Major Maltez entrou em contato com o Prefeito Municipal solicitando pedreiros para o reparo das celas e agentes de limpeza para limpeza do prédio, o que foi prontamente atendido.Fonte: Morro Notícias.

Leia mais ...

 Em depoimento a Moro, Palocci incrimina Lula em ação sobre propinas da Odebrecht

Foto: Agência Brasil

 Ex-ministro da Fazenda e Casa Civil dos Governos Lula e Dilma, Antonio Palocci incriminou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em ação sobre propinas da Odebrecht. Segundo o jornal Estado de S. Paulo, o petista prestou depoimento nesta quarta-feira (6) ao juiz federal Sérgio Moro, em Curitiba, base da Operação Lava Jato, e confessou ter praticados crimes na Petrobras. Ouvido como réu em um processo criminal da Lava Jato, Palocci citou pagamentos de R$ 300 milhões da Odebrecht para o esquema do partido.

Nesta ação, Lula é acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro sobre contratos entre a empreiteira e a Petrobras. Advogados de Palocci afirmaram que Lula sabia da compra de um terreno para o Instituto Lula e um imóvel vizinho ao apartamento do ex-presidente, em São Bernardo do Campo. Palocci também já foi condenado em outra ação da Lava Jato e está preso na Superintendência da Polícia Federal (PF), na capital paranaense.

Leia mais ...

Dois homens e um adolescente foram apreendidos no dia 30 de agosto, acusados de realizar assaltos a funcionários de uma revendedora de gás, em Jacobina. De acordo com o coordenador da 16ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), delegado Eduardo Brito, um dos funcionários chegou a ser torturado por eles, que teriam roubado uma picape da empresa carregada com 14 botijões de gás de cozinha. Os suspeitos teriam agredido e abandonado o funcionários após acreditar que ele já estava morto. O veículo foi encontrado pouco tempo depois, incendiado às margens da Lagoa Antônio Teixeira Sobrinho. “Em um período de 15 dias os empregados da revendedora de gás sofreram diversos assaltos, receberam ameaças por telefone e um deles foi torturado pelos criminosos”, disse Eduardo.

O mentor do crime teria sido Elton Lopes da Cruz, 35, que trabalha em outra revendedora de gás e achava que as vendas e o preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) comercializado pelas vítimas estava prejudicando suas vendas.

Ele teria contratado João Carlos da Silva Júnior, de 23 anos e o adolescente para obrigar os donos da empresa a recuarem no valor do produto e nas áreas de venda. A situação ainda está sendo investigada para identificação de outros possíveis envolvidos. Elton e João estão à disposição da Justiça no Complexo Policial de Jacobina e o adolescente, que tem passagem por tráfico, foi encaminhado ao Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA).BN

Leia mais ...

Janot deve revogar imunidade de delatores da JBS na próxima semana, antes de sair do cargo

Foto: Fellipe Sampaio/ SCO/ STF (15/10/2014)

 A imunidade ganhada pelos empresários da JBS após o acordo de colaboração premiada deve ser revogada, conforme afirmou o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, nesta quarta-feira (6). A medida, segundo ele, deve ser tomada até o final da próxima semana, quando termina seu mandato na PGR. A informação é do Jornal Folha de São Paulo.

De acordo com a PGR, houve descumprimento de duas cláusulas do acordo de delação premiada referentes a omissão de má-fé. O principal benefício adquirido foi o de não denúncia criminal à Justiça. Para isso, um novo modelo precisará ser renegociado com a defesa. Uma reunião está agendada para esta sexta-feira (8) entre os procuradores e Joesley e seus advogados, na PGR, para tratar desses assunto. 

  

Leia mais ...

Com empréstimo travado, Bahia pode recorrer à justiça: “Retiramos a conta do estado do Banco do Brasil”

Foto: Tácio Moreira/Metropress

 O empréstimo de R$ 600 milhões do governo federal para o governador da Bahia continua travado, apesar de a liberação ter sido autorizada e publicada no Diário Oficial, no dia 22 de agosto. De acordo com o secretário de Infraestrutura do Estado, Marcus Cavalcanti, em entrevista à Rádio Metrópole nesta quarta-feira (6), caso a situação persista, o governo do estado pode recorrer à justiça e adotar medidas contra o Banco do Brasil.

“O dinheiro ainda não foi depositado. Ontem estive com Manoel Vitório [chefe da Casa Civil estadual], estamos atendendo a todos os pedidos do Banco do Brasil e o estado vai tomar as medidas cabíveis para que isso seja cumprido. Existe a pressão, a mídia toda tá divulgado. O estado da Bahia pode ir à justiça e pedir a anulabilidade do contrato se o Banco do Brasil emprestou e não quer liberar. Retiramos a conta do estado do Banco do Brasil e colocamos em outro banco. Se o BB continuar criando dificuldades podemos fazer isso”, alertou.Cavalcanti citou ainda a tese do senador Otto Alencar (PSD) de que o dinheiro tenha sido retido após pressão do Democratas, partido do prefeito ACM Neto. “Otto declara que ouviu do próprio Temer uma declaração desse sentido [sobre o DEM]”, afirmou

Leia mais ...

Ex-prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho (PCdoB) foi acusado pelo Ministério Público Estadual por atos de improbidade administrativa em duas ações civis públicas ajuizadas nesta terça-feira (5) pela promotora de Justiça Daniela Baqueiro Alves.

Segundo as acusações, o então gestor municipal teria utilizado, de forma ilegal, bens e servidores públicos durante campanha à reeleição no pleito de 2016, e gastado mais de R$ 2,6 milhões para promoção de festejos carnavalescos em janeiro de 2015, quando o município ainda estava com situação de emergência decretada no final de 2014, devido aos graves efeitos de seca prolongada na região.

A promotora aponta que servidores gravaram depoimentos de “elogio à gestão” do então prefeito “dentro de prédios públicos e no horário de expediente”; que foram utilizados carros, motos e bicicletas da Guarda Civil Municipal, cujos agentes fardados participaram do vídeo manobrando os veículos; e que uma sala cirúrgica de acesso restrito foi transformada em estúdio de filmagem.

Quanto aos gastos com o Carnaval, a promotora se baseia em relatório do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) e mostra que, apesar da situação emergencial propiciar captação mais rápida de recursos, o Município não efetuou no exercício de 2015 nenhum gasto com a contração de carros-pipa, limitando-se a pagar cerca de R$ 124 mil pelo abastecimento de escolas municipais. Ainda segundo a promotora, em vez de aplicar recursos para amenizar os efeitos da seca, o então gestor preferiu gastar com a festa momesca, quando o Município possuía um débito superior a R$ 8,5 milhões junto ao Instituto de Previdência Municipal de Juazeiro. “Não possuía higidez financeira suficiente para realizar os festejos”, afirmou Daniela Baqueiro.

Leia mais ...

Contagem do dinheiro varou pela madrugada desta quarta-feira

A Polícia Federal terminou a contagem dos valores apreendidos no bunker ligado ao ex-ministro Geddel Vieira Lima. Foram apreendidos R$ 51 milhões. O dinheiro será depositado em uma conta judicial. O valor foi apreendido pela Polícia Federal na manhã desta terça na Operação Tesouro Perdido, nova fase da Cui Bonno?. A ação fez buscas em um imóvel em Salvador e foi autorizada pela 10ª Vara Federal de Brasília.

Leia mais ...

PF já contabilizou R$ 8 milhões apreendidos em apartamento ligado a Geddel

Foto: Divulgação/PF

 A Polícia Federal já contabilizou a quantia de 20 milhões apreendidos em apartamento ligado ao ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA), em Salvador, na região da Graça. A estimativa dos agentes, segundo o site BuzzFeed, deve bater o recorde de dinheiro recolhido pela PF numa investigação. Em 2011, uma operação da Polícia Federal anunciou um recorde de R$ 12 milhões apreendidos, sendo R$ 7 milhões em real e o resto em dólar. As malas foram encaminhadas diretamente para um banco, logo após a operação no apartamento. Sete máquinas trabalham sem parar há pelo menos cinco horas para contar o dinheiro. A quantidade de dinheiro ainda não chegou na metade.

A ação, chamada de Tesouro Perdido, é um desdobramento das investigações sobre fraudes na liberação de créditos da Caixa Econômica Federal, a operação Cui Bono. Geddel foi vice-presidente de Pessoa Jurídica da estatal entre 2011 e 2013, durante o governo da ex-presidente Dilma Rousseff. No governo Temer, ele foi ministro da Secretaria de Governo.

Leia mais ...

Prefeito Gilberto Matos , falou dos cortes na administração.

O Prefeito de Caém Gilberto Matos , em entrevista a rádio Paiaiá FM, na tarde dessa terça-feira(05),falou das dificuldades que vem enfrentando no município , e a demissão de alguns funcionários por queda de receita ainda segundo o gestor os valores repassados não é o suficiente para manutenção da máquina pública por isso teve que tomar essa decisão .

-Ainda segundo Gilberto, essa medida tomada de exonerar é justamente para ajustar ás contas ,perguntado se deverá seguir com esses cortes disse que irá acontecer mais cortes."Caém não é diferente dos demais municípios que estão tomando essa medida, sei que não é fácil mais temos que fazer."
O Secretário de administração Edivan Reis , falou da situação financeira em que se encontra o município os valores depositados no mês de agosto não dá nem para pagar a folha de pagamento disse. Hoje já temos um deficit de mais de 70 mil reais .

Leia mais ...

Pagina 4 de 166

Facebook