Font Size

Profile

Menu Style

Cpanel

19Agosto2017

 

Espaco Aberto

 

Ministra Cármen Lúcia e Rui Costa participam da abertura da Jornada Maria da Penha, em Salvador
...
Bonfinense é preso em São Paulo em nova fase da Operação Lava Jato
...
Prefeitura de Ponto Novo inicia reforma das Unidades de Saúde em todo o município

...

Caém.Carro de filho de vereadora de Caém capotou na BA 131

...

Jacobina: Protesto perde justiça pelo assassinato do professor Zé Antônio

...

Campo Formoso.Jovem morre em troca de tiro com a Polícia Militar
...
Previsão de salário mínimo para 2018 cai para R$ 969
...
Itiúba.Prefeitura gasta quase R$ 3,5 milhões por mês com folha de pagamento

...

Programa estadual vai levar atividades físicas e lazer para 78 municípios da região Saúde e outros estão fora

...

Caldeirão Grande. IFBA e Secretaria de Educação iniciam curso de libras
...
19 Jun
Escrito por 

Cadeia.Em semana decisiva, ex-presidente Lula e Aécio Neves podem ser presos

A semana começa com possibilidade de prisão de líderes de dois dos maiores partidos políticos do Brasil: Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Aécio Neves (PSDB).

Isso porque a partir da próxima quarta-feira (21) o juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato, poderá proferir sua sentença no processo em que o ex-presidente Lula é réu. O petista é acusado de ter recebido propina por conta de três contratos firmados entre a OAS e a Petrobras.No último dia 2, o Ministério Público Federal pediu a prisão de Lula em suas alegações finais, com cumprimento da pena em regime fechado. Além disso, sugeriu pagamento de R$ 87,6 milhões em multa.

Já o senador afastado Aécio Neves pode ser preso antes de Lula, nesta terça-feira (20), quando a 2ª Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) julgará o pedido de prisão feito pela PGR (Procuradoria-geral da República). Para quem não sabe, a mesma turma decidiu manter na cadeia a irmã de Aécio, Andrea Neves.O Ministério Público denunciou o tucano por corrupção ativa e obstrução da Justiça. Ele é acusado de atuar junto com Michel Temer para barrar a Operação Lava-Jato.

Deixe um comentário

Facebook