O ex-vereador Ramon Santos foi transferido na noite deste domingo (21), do Hospital Municipal Antônio Teixeira Sobrinho (HMATS), em Jacobina, para uma unidade em Salvador. Ramon, que é oficial de Justiça, estava em sua casa, no bairro Jacobina IV, quando a residência foi arrombada por homens desconhecidos.

Segundo informações colhidas pelo Jacobina Notícias, as agressões sofridas pelo ex-vereador lhe causaram fraturas na perna, braço e suspeita de traumatismo craniano. Ele teria sido encontrado por uma pessoa da família, caído na cozinha. A Polícia Militar esteve no local, e Ramon foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Liderança política na cidade, com atuações desde associação de bairro à Câmara de Vereadores de Jacobina, Ramon é sempre participativo no cenário político do município. Em frente ao HMATS, estiveram o ex-prefeito Luciano Pinheiro, o presidente da Câmara, Juliano Cruz, a vice-prefeita e secretária de Saúde de Jacobina, Kátia Alves, dentre outras autoridades e amigos, prestando apoio à Ramon. Pelas redes sociais não foi diferente, muitas são as mensagens de apoio e desejos de que ele se recupere bem das lesões sofridas.

A ambulância que faz a transferência de Ramon seguiu com escolta policial. A motivação e autoria das agressões ainda são desconhecidas.

Jacobina Notícias

Sobre o Autor

Redação

Site de Notícias de Saúde,10 anos levando informações locais regionais .

Ver todos os Artigos