A Polícia Federal cumpre na manhã desta quinta-feira (23) dois mandados de busca e apreensão, nas cidades de Camaçari e Dias D’Ávila, para combater fraudes ao INSS.

A ação é continuidade das investigações que levaram às prisões, em junho deste ano, de outras pessoas em flagrante, no interior de uma agência bancária da capital baiana, quando impediu o saque de cerca de R$ 30.000,00 referente a um benefício do INSS fraudulento.

Os envolvidos poderão responder por diversos crimes, dentre eles integrar associação criminosa (art. 288 do CPB), estelionato previdenciário (art. 171, §3º do CPB), falsificação de documento público (art. 297 do CPB), uso de documento falso (art. 304 do CPB), com penas que, se somadas, podem chegar a mais de 25 anos
de prisão.

Sobre o Autor

Redação

Site de Notícias de Saúde,10 anos levando informações locais regionais .

Ver todos os Artigos