O jogo entre Brasil e Argentina, pelas eliminatórias da Copa do Mundo, neste domingo (5), foi paralisado com cinco minutos do primeiro tempo após agentes sanitários da Anvisa e a Polícia Federal entrarem em campo. A partida é realizada na Neo Química Arena, em São Paulo.

A intervenção foi para tentar retirar os jogadores argentinos que foram barrados pela agência de atuarem na partida. A Anvisa solicitou que a Polícia Federal expulsasse quatro jogadores da delegação por informações sanitárias falsas no processo de entrada ao Brasil (leia mais aqui).

Com a confusão, todos os jogadores argentinos saíram de campo em direção ao vestiário. A partida segue interrompida e a comissão técnica do Brasil conversa com os agentes da PF e da Anvisa.

Sobre o Autor

Redação

Site de Notícias de Saúde,10 anos levando informações locais regionais .

Ver todos os Artigos