Pindobaçu: Prefeito participa de reuniões com: comerciantes, ministério público, polícia militar e demais prefeitos da região.


Na tarde desta terça-feira(23)
o Prefeito de Pindobaçu Dr. Davi Menezes Farias, recebeu em seu gabinete uma comissão formada por membros do comércio local, onde foi tratado sobre os decretos estaduais e municipais,
que matem o fechamento dos comércios não essenciais de 22 a 29 de março 2021.
Para tomar uma decisão que atendesse ao grupo o perfeito passou a ouvir os comerciantes, onde pediu aos mesmos que fizessem suas sugestões a respeito de uma possível flexibilização no decreto municipal.

A sugestão por parte dos comerciantes, foi de que houvesse a abertura do comércio das 08 às 13 Hs sob o sistema “Porta Balcão” onde ficaria controlada a entrada de clientes, sendo permitido apenas duas pessoas por vez.

Após ouvir a sugestão dos comerciantes, o Prefeito conversou com sua assessoria jurídica,
Onde chegaram a conclusão de que ficaria acatado a sugestão feita pelos comerciantes, por entender que suas reivindicações eram justas.
Para garantir esses direitos, o município faria uma alteração no decreto municipal 243, baixado na última segunda-feira (22)

No mesmo horário, em meio a decisão já tomada, o Prefeito Dr, David
Passou a participar por vídeo-conferência, da reunião entre o Ministério Público, Comando da Polícia Militar e os demais Prefeitos da região, onde ficou decidido por todos, que nem um prefeito poderia tomar medidas isoladas que fossem de encontro ao decreto estadual, ficando suspensa qualquer decisão por parte dos prefeitos, até que o ministério público se manifestasse oficialmente sobre os próximos passos a ser seguidos pelos municípios.

Em quanto isso, o
comandante da
Polícia Militar, chamou a atenção de todos os prefeitos, em especial os de Pindobaçu e Antônio Gonçalves,
sob a determinação por parte do governador, em manter o cumprimento do decreto estadual, alertando de que a polícia militar da Bahia, não acataria as medidas de relaxamento por parte dos prefeitos, e que todas as guarnições de polícia militar das respectivas cidades, estariam atuando para garantir o cumprimento do decreto estadual, punindo todos os comerciantes que por ventura viesse a desobedecer.

Após o término da reunião, Dr. David Menezes voltou a conversar com os comerciantes de Pindobaçu, onde lamentou ter que voltar atrás de sua decisão, de alteração o decreto municipal para atender os interesses do mesmos.
O gestor deixou claro que
na próxima reunião com o governador Rui Costa, previsto para o próximo sábado, se colocaria contra o fechamento do comércio, por entender as dificuldades por parte dos comerciantes.
Ascom/PMP


Você gostou? Compartilhe com seus amigos

0