Ao justificar 13º do Bolsa Família, Bolsonaro cita caso de fraude descoberta no governo Lula

O presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), usou um caso de fraude descoberto no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para justificar o 13º salário do Bolsa Família, anunciado por ele como resultado do combate de irregularidades na concessão do benefício.

“Hoje, com árduo trabalho no combate às fraudes, como vereadores e o caso de um animal doméstico chamado gato “Billy”, recebendo indevidamente estes recursos públicos, temos meios para implementar esta medida para os verdadeiros necessitados”, postou o presidente, nas redes sociais.

No entanto, a descoberta do gato “Billy” foi em janeiro de 2009, durante o governo do ex-presidente Lula, de acordo com reportagem do G1. O animal era da cidade de Antônio João (a 300 km de Campo Grande), um dos municípios mais pobres de Mato Grosso do Sul. Ele foi inscrito com nome, sobrenome e data de nascimento por seu dono, Eurico Siqueira da Rosa, que era coordenador local do programa do governo.

André Araújo

André Luiz Araújo é formado em radialismo, com o Registro Profissional 9 para Radialistas( RPR) 3.572/Ba . Exerce a profissão a mais de 21 anos , onde mantem o Blog Espaço Aberto.Net ,9 anos levando noticias locais e regionais , sendo uns dos sites mais bem acessados de Saúde e região.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *