CAÉM: Escola Domingos Pereira realiza atividades em alusão ao 8 de março e os retrocessos da reforma da previdência.

O tema definido pela ONU Mulheres para o Dia Internacional das Mulheres em 2019 é “Pensemos em igualdade, construção das mudanças com inteligência e inovação”. O tema está centrado nas formas inovadoras para a defesa da igualdade de gênero e empoderamento das mulheres, em especial aquelas relativas aos sistemas de proteção social, acesso aos serviços públicos e infraestrutura sustentável.

Considerando os fortes retrocessos que as mulheres do Brasil estão enfrentando é de suma importância buscar meios de conhecer as políticas de direitos e como estão sendo afetados pelas políticas do novo governo. As mulheres tem uma história de luta e resistência que rendeu acesso a avanços muito importante no processo de autonomia e participação social, é lamentável que depois de muito lutar a categoria veja seus direitos sendo retirados um a um sem diálogo ou negociações.

Uma das polêmicas mais recentes é a reforma da previdência que tem causado muito desgaste ao governo e muita luta as categorias trabalhistas. A equipe da Escola Domingos Pereira na comunidade Quilombola de Várzea Queimadas, realizou na última sexta-feira (08) atividade para as mães em alusão ao Dia Internacional de Março e na oportunidade também refletiu sobre A reforma da previdência e os prejuízos para a classe trabalhadora. Esse momento foi mediado pelos educadores Ronivaldo Alves de Oliveira e Jucelma Feitosa da Silva que buscaram destacar as desvantagens para mulheres camponesas que é a maioria do público.

Outros temas foram debatidos, tais como feminicídio, violência contra as mulheres. Segundo a Coordenadora pedagógica Aitan Almeida “o evento nos fez refletir e repensar sobre o papel e a importância da mulher na sociedade, a discussão com o professor Ronivaldo elencou com clareza o feminicídio abrangendo vivências cotidianas como exemplos. Hoje é um dia de luta como outro qualquer, seguiremos lutando na busca para conquistar grandes legados, sem “mais” tragédias”, buscamos também informar os direitos previstos da mulher na sociedade contemporânea e os pontos negativos em relação ao aumento da contribuição do trabalhador rural conforme prevê a nova reforma da previdência”, finalizou.

A gestão da escola contou que planeja desenvolver outras ações durante este ano, outras rodas de conversas com as famílias construindo essa parceria indispensável entre família e escola, incluindo sempre temas relevantes e de cunho pedagógico a realidade escolar e comunitária.

PREFEITURA DE CAÉM JUNTOS FAREMOS MAIS

ASCOM

André Araújo

André Luiz Araújo é formado em radialismo, com o Registro Profissional 9 para Radialistas( RPR) 3.572/Ba . Exerce a profissão a mais de 21 anos , onde mantem o Blog Espaço Aberto.Net ,9 anos levando noticias locais e regionais , sendo uns dos sites mais bem acessados de Saúde e região.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *