Central: Possível mandante do assassinato de Sindicalista Aroldo Souza é presa



Em andamento a segunda fase da investigação sobre o assassinato do sindicalista Aroldo Pereira de Souza, morto no dia 08 de novembro de 2018, a Polícia Civil de Central, região do feijão, realizou a prisão da professora da rede pública municipal, Sandra Ferreira da Rocha. Segundo a polícia ela é apontada como a possível autora intelectual do crime.
As provas coletadas indicam sua estreita relação com o executor assassinato, Leandro Ferreira da Rocha, preso na primeira das investigações. Segundo a Polícia Civil de Central, Sandra foi presa na tarde desta segunda-feira (28) em sua residência, em Hidrolândia, município de Uibaí.
O inquérito policial será concluído nos próximos dias e entregue ao Ministério Público.
Fonte: Polícia Civil e Polícia Militar de CentralEm andamento a segunda fase da investigação sobre o assassinato do sindicalista Aroldo Pereira de Souza, morto no dia 08 de novembro de 2018, a Polícia Civil de Central, região do feijão, realizou a prisão da professora da rede pública municipal, Sandra Ferreira da Rocha. Segundo a polícia ela é apontada como a possível autora intelectual do crime.
As provas coletadas indicam sua estreita relação com o executor assassinato, Leandro Ferreira da Rocha, preso na primeira das investigações. Segundo a Polícia Civil de Central, Sandra foi presa na tarde desta segunda-feira (28) em sua residência, em Hidrolândia, município de Uibaí.
O inquérito policial será concluído nos próximos dias e entregue ao Ministério Público.
Fonte: Polícia Civil e Polícia Militar de Central


Você gostou? Compartilhe com seus amigos

0