Médicos anestesistas rompem com o Planserv e beneficiários não terão o serviço a partir de segunda


A partir da próxima segunda-feira (07) os beneficiários do Planserv não poderão contar com serviços de atendimento anestésico.Segundo a Cooperativa dos Médicos Anestesiologistas da Bahia (Coopanest-BA), o motivo do rompimento são pendências contratuais.

Os pacientes que têm procedimento cirúrgico agendado e consulta pré-anestésico realizada terão os atendimentos mantidos com a cobrança posterior dos honorários médicos, informa a cooperativa.

Em nota , o Hospital Português fez o anúncio da decisão para os seus pacientes e informou que houve distrato contratual entre o Planserv e a Coopanest-BA. VN


Você gostou? Compartilhe com seus amigos

0