Ministro do STF diz que sistema político do país extrai ‘o pior das pessoas’


O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso defendeu a necessidade de promover uma profunda reforma política no país, tocada pelo novo presidente da República. A declaração foi feita durante evento sobre os 30 anos da Constituição, na FGV, no Rio de Janeiro, hoje (5).

O magistrado afirmou que o atual modelo político “extrai o pior das pessoas” e que o chefe do Executivo fica refém de um modelo de política “pervertido”.

Segundo o ministro, a Constituição de 1988 ajudou o país a fazer uma “travessia bem sucedida” de um Estado autoritário e violento para um Estado democrático. “Considero muito ruim se desperdiçar o capital político dessa Constituição e se convocar uma nova Constituição”, completou o ministro, ao ressaltar que “dificilmente sairá alguma coisa melhor”.


Você gostou? Compartilhe com seus amigos

0