Procuradoria quer que PT devolva dinheiro que gastar na campanha enquanto não substituir Lula

Foto : Ricardo Stuckert
Ex-presidente está proibido de concorrer na eleição depois de o TSE indeferir a candidatura.Foto : Ricardo Stuckert

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, deve pedir hoje (4) ao Tribunal Superior Eleitoral que o PT devolva aos cofres públicos os valores que gastar na campanha presidencial, enquanto não anunciar a substituição de Lula na disputa.

O ex-presidente está proibido de concorrer na eleição depois de o TSE indeferir a candidatura. De acordo com a publicação, o PT repassou R$ 20 milhões do fundo eleitoral à chapa presidencial – e desembolsou R$ 14,4 milhões para programas de rádio e TV.

O pedido de Dodge tende a ampliar a tensão no partido, que está dividido sobre se mantém o nome de Lula ou se troca logo pelo vice-candidato a presidente Fernando Haddad (PT).

André Araujo

André Luiz Araújo é formado em radialismo . Exerce a profissão há 20 anos , onde mantem o Blog Espaço Aberto.Net ,8 anos levando noticias locais e regionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *